Top Ad unit 728 × 90

Expectativas x Realidade

O gráfico ao lado mostra bem como está meu nível de assertividade com os investimentos, nem de longe eu imaginava estar num momento tão ruim após 19 meses de investimento.
Hoje decidi dar uma olhada o quão longe estou da minha meta de patrimônio e cheguei ao espantoso gap no valor de R$ 15.080, como cheguei a isso?

Para responder a essa intrigante pergunta decidi verificar o previsto x realizado das minhas metas e fazer uma avaliação do nível de assertividade delas.


Aporte
Nesses 19 meses planejei aportar R$ 79.800, e consegui realizar R$ 85.063, um saldo positivo de R$ 5.263, ou seja tenho um mês de aporte a mais que o planejado.
Avaliação: Apesar de estar bem complicado manter o ritmo de R$5k mensais, a meta é factível e eu estou conseguindo andar sempre a frente.

Rentabilidade
Me lembro no começo do blog, quando estipulei como meta a rentabilidade 0,80% por mês, recebi muitas críticas, pois era fácil obter isso com renda fixa, então eu deveria ter uma expectativa mais elevada dado o risco que estaria exposto na renda variável.
Para o mês de Julho/15 o planejado era de + 8,37% de rentabilidade e o realizado foi de - 7,02%, um gap de -15,39%. Analisando meus ativos nesse momento tenho 3 que estão nocauteando minha rentabilidade, são eles Vale -34,0% Cemig -26,0% e Eztec -25,1%.
Avaliação: A meta não é tão irrealista, mas meu apetite por risco foi muito grande nesses 19 meses, se tivesse uma estratégia mais conservadora esse gap estaria muito menor, o que deixa claro que vou precisar fazer ajustes na estratégia para 2016.

Patrimônio
Esse eu não preciso nem comentar, pois é um resultado dos dois números anteriores, aqui o meu grande erro foi acreditar que eu conseguiria fortalecer os aportes para manter o patrimônio da meta, mesmo diante de uma rentabilidade ruim, isso até funcionou no começo que a carteira era bem pequena, agora que ela aumentou um pouco não estou mais conseguindo acompanhar.

Conclusão
Mudanças necessárias a caminho, mas como sempre gosto de frisar não sou adepto de mudanças abruptas, vou manter o apetite por risco até o final de 2015, portanto a meta de aporte de 5k por mês e a minha 'super' alocação em renda variável vão continuar.
Para 2016, devo diminuir a meta de aportes, acho que vou fixar em R$ 4k mensais, e vou destinar 75% do aporte + proventos para renda fixa e os outros 25% para renda variável.
O grande objetivo da mudança é ter um resultado mais equilibrado e espero que em 2 anos em consiga balancear a carteira para suavizar os solavancos da renda variável.
Expectativas x Realidade Reviewed by Surfista Calhorda on 8:52 AM Rating: 5

38 comentários:

  1. Não sei se a solução seria migrar pra RF.

    Da uma lida no livro do jeremy siegel que vai entender a frase anterior.

    Enfim talvez seja a hora de rever sua estratégia de investimento, provavelmente está investindo em algo que não tem a ver com seu perfil.

    Tem muitos blogs ai que demonstram alguns modelos de investimento que fogem um pouco do usual. Nessas horas é um motivo e tanto para nós aprofundarmos mais nos estudos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal Viver de Dividendos, vou pesquisar o livro indicado.
      Mas não pretendo migrar para renda fixa completamente, vou fazer um ciclo de 2 anos forte em Renda Variável e estou pensando em.faEr mais 2 anos com aportes mais fortes em Renda fixa.

      Excluir
  2. Ter um bom percentual em Rf ajuda a comprar mais e mais ações durante as quedas da RV. Com 50k em fiis,por exemplo, é possível comprar mais R$ 400,00 todo mÊs em ações. isso faz co que o preço médio diminua muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anom valeu pelo comentário, mas FII's também é renda variável.

      Excluir
  3. Surfista...meu gap negativo daria para comprar um popular semi novo, não estou preocupado com isso...no momento só penso em aumentar minha renda passiva com ações boas pagadoras de do vindos, fundos imobiliários, títulos com pagamentos trimestrais...quanto as ações a tendência é cair ainda mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nesse ponto da renda passiva acho que até estou regular, mas que é complicado se distanciar das sua metas é! Mas acho que esse percentual de alocação RV e RF deve ser variável, ações em.baixa = aumentar exposição em RV, ações em.alta = aumentar exposição a renda fixa.
      Sei que é simplista, mas acho que algo assim que pretendo alcançar.

      Excluir
  4. Surfista...meu gap negativo daria para comprar um popular semi novo, não estou preocupado com isso...no momento só penso em aumentar minha renda passiva com ações boas pagadoras de do vindos, fundos imobiliários, títulos com pagamentos trimestrais...quanto as ações a tendência é cair ainda mais.

    ResponderExcluir
  5. Surfista...meu gap negativo daria para comprar um popular semi novo, não estou preocupado com isso...no momento só penso em aumentar minha renda passiva com ações boas pagadoras de do vindos, fundos imobiliários, títulos com pagamentos trimestrais...quanto as ações a tendência é cair ainda mais.

    ResponderExcluir
  6. Meu caro surfista.
    Em um comentário anterior auferido em um post qualquer, lhe admirei por estar exposto em setores cíclicos dada conjuntura econômica atual, porem com diversas empresas cíclicas atreladas a construção civil e energia em sua carteira, você pode amargar alguns anos até o próximo ciclo de crescimento.
    Observe que para se ganhar com esta estratégia você deve esperar ciclos de altas ou melhoras macroeconômica, habitualmente sempre foi a natureza das empresas cíclicas .
    Vale minério de ferro.
    Eztec construção.
    Por outro lado para quem pensa a longo prazo agora é hora de encher o carrinho e comprar tudo na baixa, porem acredito que teu psicológico esta abalado por manter um percentual tão grande em renda variável.
    Aproveite títulos públicos oferecendo IPCA mais 7,20% para reduzir um pouco a volatilidade de sua carteira global.
    E tirar um pouco deste suposto GAP!



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mestre dos Dividendos, estou gostando muito das respostas deste post, estão me ajudando bastante, eu vou aumemtar imha carteira esse mês, vou adicionar Itaú e M. Dias Branco, para tentar dar uma equilibrada.
      Valeu mesmo pela colaboração!

      Excluir
  7. Fala Surfista, realmente sua estratégia com alta exposição em RV é bem agressiva, sem problemas se estiver preparado para momentos como esse e como os que estão por vir (acredito que a bolsa vai afundar muito mais ainda até o fim do ano). Eu tenho uma meta de alocação de 50% em ações, 30% em FII e 20% em RF, gosto muito da modalidade de Fundos Imobiliários que apesar de também ser renda variável me trás um pouco de tranquilidade vendo dinheiro entrar na conta todo o mês por conta dos aluguéis, além do mais pode se usar esse fluxo de dinheiro positivo para completar seus aportes e conseguir boas pechinchas em momentos de baixa na bolsa.

    Sucesso e bons investimentos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Investidor Destemido, acho que preciso de um pouco mais desse adjetivo, Destemido, vou tocar o barco esse ano vou continuar com a estratégia de alta exposição a renda variável, vou ter nervos de aço!

      Excluir
  8. Também tinha uma meta menor q 1%. Se a meus é essa então o negocio e renda fixa. Ações é exposição. Estou revendo meias conceitos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara eu vou reler o Investidor Inteligente, tem.uma parte que o Benjamin Graham comenta sobre a adequação da exposição, mercado de baixa 75% Renda Variável, mercado de alta 75% Rena Fixa.

      Excluir
  9. Pior é que vc poderia ter atingido duas expectativas "se" tivesse escolhido as empresas certas, teria até "dobrado a meta", rs, o problema é entrar nas empresas certas e na hora certa, este é o nosso desafio. Mas sabe que as empresas certas até que não são difíceis de achar? O mercado nos dá sinais, nós é que ficamos teimosos em não ver estes sinais, o minério começou cair há algum tempo atrás, a China começou a ficar estranha, estão seriam sinais para vc pular fora da Vale e comprar uma outra empresa como a CIELO. A CEMIG também ficou tenebrosas depois das intervenções governamentais e possibilidade de perda de concessões, mas você nem deu bola e continuou posicionado. O mercado imobiliário começou a dar sinais de fraqueza, mas você continuou firme e forme com a EZTEC. Agora não tem por que reclamar, somos nada mais nada menos do que o resultado das nossas escolhas. Mas não nascemos sabendo não é mesmo? Só com tombos assim é que vamos aprendendo a lição. Estamos juntos aí, daqui alguns anos estaremos detonando neste mercado.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uó caprichou na resposta hein, mas eu ainda devo estar com a lógica errada então. Minha avaliação é que agora eu preciso comprar mais Eztec e mais Cemig... Vale5 não kkkk.
      Esse mês eu acho que vou de ITUB e M. Dias Branco, até desisti da Hering.

      Excluir
    2. Concordo plenamente que a Cielo nunca esteve cara, mas eu gosto quando o Benjamin Graham recomenda não adquirir ações com PL muito alto, acima de 20x to fora, outra que eu fico namorando é a TOTVS só que não passa nesse filtro.

      Excluir
    3. CIELO abaixo dos 40 é boa pedida.
      MDIA abaixo dos 70 também.
      ITUB3 vou comprar em breve
      TOTS compro mais de chegar nos 30.

      Excluir
    4. Tanto CIEL quanto MDIA já estão abaixo dos valores estipulados, mas podem melhorar mais, rs.
      Quero comprar mais ITUB e mais TOTS, cai, cai, cai....

      Excluir
  10. Relaxa meu velho, em 2008 vi meu patrimônio derreter quase 70%, quase infartei vendo anos de trabalho indo pelo ralo, mas no fim tive sangue frio de comprar mais quando todos estavam deseperados, hoje mais que dobrei o que tinha e os dividendos ajudaram bastante, ficar chorando por um prazo tão curto vai acabar com seus nervos, o jeito é relaxar e olhar só de vez em quando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é anom, apesar de eu estar choramingando, vou fazer justamente isso, até o final do ano vou continuar a aportar forte em Renda Variável.

      Excluir
  11. Oi Surfista.

    Esse é um ótimo post. Você só consegue controlar o que consegue medir, e você acabou de fazer uma boa medição do seu processo de investimento.

    Não acho que você está errado, pois não acho que deveria ver se está acertando baseado no valor momentâneo de cotação em um prazo tão curto. Especialmente com a economia maluca que temos no momento. A renda variável é assim mesmo. Enquanto o mercado vai derretendo, você vai comprando. Mas comprando empresas que dão lucro e tenham futuro. Com o passar do tempo, o preço do papel vai buscar o valor da empresa. E, de repente, aquele monte de ações que você foi acumulando começam a valer bem mais.

    Se está incomodado em ver o valor da carteira ter diminuído, talvez valha a pena diversificar mais. Ou olhar menos para a rentabilidade como única medida de sucesso.

    Parabéns por superar a meta de aporte. Esta sim é uma constatação fantástica.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Investidor Disciplinado, pois é, o ponto de não olhar tanto para a rentabilidade é algo que eu preciso monitorar, sobre a diversificação, vou dar mais um passo esse mês, vou comprar Ítau e M. Dias Branco e devo comprar mais um FII novo, aos poucos a carteira vai ganhando forma.
      Valeu pelo comentário.

      Excluir
  12. Surfista: passei pelo mesmo "problema" que vc está passando. Infelizmente no brasil, acionaista só entra com a bunda. Parta para uma carteira de 50% FII e 50% RF (10 pre, 20 pos inflacao + juros + 20 cdi) que sua performance aumentara muuuuuito. Sobretudo agora no início,quando a mágica dos juros compostos nao é tão evidente devido ao baixo valor da carteira..
    Espero ajudar....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Manter o equilíbrio realmente ameniza a o nível de exposição ao risco. Para 2016 com toda certeza vou promover algumas mudanças na minha estratégia.

      Excluir
  13. Surfista, já parou pra pensar que se vc não tivesse uma meta nada disso estaria acontecendo?
    E que um belo dia, avaliando sua situação financeira vc poderia perceber que atingiu a meta e a partir daí se esforçar pra dobrar a meta?

    Vc tá entendendo o raciocínio? As suas metas e, consequentemente, sua `frustração/alegria` em `não bater/bater` a meta só depende do que vc estipulou anteriormente.

    Eu não fico bolado quando cumprou ou não cumpro as metas que eu mesmo coloquei. Tento sempre obter o melhor resultado possível comparado com o custo de oportunidade e depois faço ou não ajustes baseado nos resultados passados. Ficar bolado pq não atingiu meta é ficar bolado por bobagem.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ta parecendo a Dilmabolada. Sem meta, mas querendo dobrar-la....

      Excluir
    2. Ficou engraçado realmente o transcrição do seu pensamento, mas acho que consegui entender a mensagem.
      Não acredito que eu tenho que deixar a gestão dos meus investimentos sem indicadores, esse processo pelo o qual estou passando de questionar e pensar em ajustar minha estratégia é positivo, apesar de ser um pouco desgastante.

      Excluir
  14. Rapaz, o Bastter fala que um percentual 50 a 50 entre RF e RV é algo bom. Acho interessante como forma de fazer um balanceamento automático de carteira.


    Vc pode comprar CDBs ou LCIs e depois de chegar até o valor da RF, aportar igual nos dois.


    Daqui a alguns anos essa crise de hoje será passado e os dividendos serão mais e mais interessantes,. Agora devemos ter calma e paciência.


    Abs,

    Sultão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem Sultão, o espirito tem que ser exatamente esse, sempre olhando para frente e tomando a decisão com calma.

      Excluir
  15. Minha meta de 2% a mês tbm não consegui alcançar..hehe...embora tenha conseguido se considerar os aportes, mas aí não vale. Acho que o Brasil está em um momento delicado...vide o tal rebaixamento de rating. Logo, sigo em uma estratégia mais conservadoras por enquanto de só aportar em RV quando considero que está barato e desfazer quando considero que está caro, pois não consigo ver como as empresas terão estabilidade de crescimento nessa condição em que chegamos: excesso de gastos públicos, excesso de crédito que já não se sustenta, ou seja, não enxergo muita luz no fim do túnel em prazo curto....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que já temos oportunidades muito boas, esse mês já comprei ITUB, MDIA e TOTS.
      Minha estratégia é fazer poupança na bolsa, o ajuste que devo promover no próximo ano é reduzir um pouco o aporte em RV e fazer uma colchão de segurança maior em RF, mas acredito que a RV que vai acelerar minha independência financeira.

      Excluir
  16. É cara, bovespa desabando faz com q a carteira so fique positiva por causa dos aportes msm.. Mas é isso, com disciplina a gente compra mais dessas empresas e se td der certo qdo a bolsa voltar a subir vai vir um porradão de dinheiro=)
    Bons dividendos ai!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso ai meu caro, muito sensato seu comentário.
      Essa deve ser a tocada, disciplina nos aportes e resistência ao volume da baboseiras que devem começar a surgir na mídia.
      Valeu pela visita!

      Excluir
  17. Caro Surfista estou numa situação bem semelhante a sua,com poucas diferenças e passando por resultados bem parecidos, um pouco melhor ou "menos pior" para mim, tendo em vista que comecei a investir em 2015, e peguei o começo do ciclo de baixa... estou 100% em RV, minha meta é que renda acima da inflação+7,5% a.a( apanhando bastante também do projetado), pois isso já teria garantido no TD, enquanto estiver nesse "bear market" compro mais ações ainda e fico triste pois não tenho nada em RF, para comprar mais,pois como disse comecei em 2015, já na tendência de baixa e não deu tempo de fazer a RF, quando o mercado começar a virar aí sim irei para RF, dure o tempo que for necessário. Abraço e opere de acordo com o que lhe deixa mais a vontade.
    Um abraço!
    Bons Ventos!
    NAUTA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Nauta, sempre em frente! Espero que Bear Market não dure o ano de 2016 inteiro!

      Excluir

“Em tempos de embustes universais, dizer a verdade se torna um ato revolucionário.”
George Orwell

All Rights Reserved by Ele não surfa nada! © 2014 - 2015
Share by GFXFree.Net

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.